Blockchain: impacto e benefícios no mercado do marketing

No ano passado, o Brasil ficou em 11o em um ranking entre os países que usam o blockchain - segundo levantamento do Criptomoeda.org. No país, a tecnologia já foi adotada em bancos como Itaú, Santander, BNDES e Banco Central do Brasil. Para a América Latina, o IDC Latin America prevê que, até 2022, 20% dos servidores utilizarão criptografia de dados e, graças ao blockchain, as identidades digitais serão usadas por mais de cinco milhões de pessoas.

O Blockchain é um banco de dados que registra diferentes tipos de transações e mantém registros espalhados por servidores, permitindo que duas partes façam transações seguras em uma rede descentralizada. Dentro dessa tecnologia, as informações não podem ser alteradas e são distribuídas com recursos de criptografia imutáveis. No setor de marketing, seu papel é fundamental - já que evita fraudes; oferece maior transparência econômica e de dados; aumenta a eficiência; e previne discrepâncias por toda a extensão do supply chain.

Quando bem planejado e executado, o blockchain adiciona valor às ferramentas de marketing já existentes e permite um novo boom em inovação. Esse cenário melhora a forma e o conteúdo das conversas entre os profissionais de marketing e seus clientes.

A MediaMath, pioneira em marketing programático, lista alguns benefícios de trabalhar com o blockchain:

Solução de problemas

Apesar dos avanços do mercado e das tecnologias à disposição dos profissionais, o marketing digital ainda enfrenta alguns desafios quando falamos de transparência, padrões de qualidade, discrepâncias entre as partes interessadas, etc.

É nesse momento que o blockchain entra como um aliado dos profissionais desse setor. E há espaço para fazer muito mais: expandir os reais resultados de negócios; aumentar a eficiência, simplicidade e eficácia da execução de campanhas de marketing; e facilitar a contabilidade e o pagamento dessas ativações.

Reconciliação

Um cenário como este não é incomum: um anunciante deseja uma campanha de display com 200 mil impressões. Na revisão dos relatórios, a plataforma de compra apresenta 208 mil impressões; o adserver, 194 mil; e o publisher diz que foram 212 mil. Isso acontece porque a plataforma de Ad Serving, a de compra e o publisher contam as impressões separadamente. Com o blockchain, esse problema é resolvido, uma vez que o registro público de cada transação das três partes é reconhecido para verificar o número exato de impressões entregues.

Eficiência

Nas compras, há empresas intermediárias entre anunciantes e publishers. No mundo digital, as ad networks oferecem grupos de sites que têm inventários e, ao mesmo tempo, agrupam (e gerenciam) os anunciantes que os compram.

Com o blockchain, é possível fazer uma comunicação direta entre ambas as partes para verificar a entrega de anúncios e automaticamente habilitar o pagamento por meio de contratos inteligentes. Assim, os anunciantes têm a certeza de pagar pelos anúncios exibidos e não pagam intermediários.

Marketing focado no consumidor

Os consumidores estão cada vez mais conscientes das implicações da privacidade e do valor de seus dados digitais, e querem participar da comercialização desses dados. A tecnologia de blockchain e os micropagamentos que ela possibilita oferecem a oportunidade de recompensar os consumidores por se engajarem em anúncios, visualizarem criativos ou fornecerem dados ou outras informações relevantes - o que é uma proposta atraente na era do adblocker.

Embora ainda não implementada para esse fim específico, a tecnologia blockchain permitiria aos usuários vender seus dados pessoais. Se um número suficiente de anunciantes pagasse por essas informações diretamente para os usuários, e usuários suficientes optassem por isso, teoricamente não haveria intermediários e melhoraria a qualidade e o custo das informações utilizadas.

Aproveitando o blockchain ao máximo

Porém, para que a tecnologia seja usada em sua excelência, é fundamental que todo o ecossistema esteja alinhado no uso dessa ferramenta. O blockchain e as tecnologias criptográficas relacionadas resolverão os desafios estruturais de longa data inerentes à arquitetura da adtech - diferentemente das soluções temporárias vistas hoje no mercado. Assim, os profissionais de marketing alcançarão os consumidores de formas mais interessantes e eficazes, uma vez que uma nova camada de arquitetura tecnológica existe para apoiar essas conversas.


Umbler - Cloud Hosting para Agências e Desenvolvedores

A Umbler é a nova casa do TekZoom e estamos migrando todos nossos projetos web para esta empresa de hospedagem cloud brasileira.

O mais interessante na Umbler é o seu painel, que facilita a configuração da hospedagem Cloud para projetos PHP e NodeJS, além da instalação automatizada do WordPress, Joomla, Drupal e OpenCart.

Ah! Vale lembrar que clicando no Link do TekZoom você ganha R$25,00 para testar os serviços Cloud de hospedagem. Bem legal, hein?

Não esqueça que o Laravel, framework PHP, também pode ser configurado automagicamente através do painel principal de Cloud Hosting da Umbler.

Não perca em breve nosso vídeo demonstrando como utilizar os serviços desta nova hospedagem Cloud para Desenvolvedores e Agências.